sábado, 3 de dezembro de 2011

"Já foi provado cientificamente...."

Toda vez que ouço ou leio essa frase eu me arrepio de medo...

O maior mérito da ciência não foram as inúmeras decobertas, mas o desenvolvimento de um método de pesquisa confiável. Graças ao método científico é que a ciência tem o crédito necessário ao afirmar alguma descoberta natural ou tecnológica.

Em qualquer área científica, as descobertas passam pelo crivo do método. Existem as coletas de dados, as experiências, as publicações, os questionamentos de outros profissionais da área, as defesas de teses, os seminários e congressos. Se você tiver uma pesquisa que passa por todos essas fases, ela tem uma grande chance de estar certa. Pelo menos até não existirem novos fatos que constestem tudo e o processo se reinicie novamente.

Ou seja, não é fácil!

Mas somente pelo método científico é que se pode concluir alguma coisa com a garantia de que o dado não foi utilizado tendenciosamente para provar uma teoria específica. E isso acontece! Gente de má fé tem em todo lugar! Por isso, mesmo com os avanços científicos da atualidade, ainda precisamos estar atentos se o método científico foi seguido como deveria. Caso contrário a conclusão perde o valor e voltamos para a estaca zero. Tem um vídeo do Ben Goldacre que aborda bastante esse assunto!

Mas todas as áreas da sociedade anseiam a credibilidade que a ciência possui. Principalmente aquelas que precisam dessa credibilidade para poder vender o seu produto ou sua idéia! Aí o que acontece? Utilizam a frase solta: "Já foi provado cientificamente que ..." 

Essa frase solta em geral não resiste a dois porquês! Mas eu tenho visto um aumento grande dessas "comprovações científicas" esse ano. Em parte porque o misticismo anda aflorado pela proximidade de 2012 e os esotéricos estão buscando lógica científica para o fim do mundo. Já li textos em que informam que os cientistas realmente já "provaram" que o mundo vai acabar em 2012! Outros provaram que a Terra vai entrar em uma zona especial do universo onde não vai existir mais noites!

Mas utilizam essa frase em diversos outros contextos também. Existem "experimentos" sobrenaturais, que contam até com o apoio de programas de tv. A explicação de como um composto alimentício specífico funciona. Como são distribuídos os "fluxos de energia". Poderia ficar escrevendo vários aqui. Mas sempre é o mesmo modus operandi, falam que já foi provado cientificamente e soltam a pérola da explicação que eles têm para o assunto.

Mas em geral as verdadeiras conclusões científicas não precisam se utilizar dessa frase. Os cientistas mostram os experimentos, os resultados e as conclusões! Somente as pessoas que não têm como realmente explicar alguma coisa é fazem questão de pegar emprestado a credibilidade da ciência, sem ter que dar maiores explicações.

Essa frase solta tem um poder grande de desarmar a mente das pessoas. Então sempre que ouvir alguém se referindo a uma pesquisa científica ou algo parecido para poder dar crédito ao que está dizendo, preste atenção! Analise as fontes, peça os dados da pesquisa, procure publicações a respeito e veja se essas publicações já não são, por si só, tendenciosas.

Tenho certeza que em uma semana você vai começar questionar o vendedor de suplemento alimentar, o esotérico cataclísmico e outros. E vai ver que de ciência mesmo só existe a tal frase!

Mas como regra geral fica o alerta. Ative o filtro para o "já foi comprovado científicamente" e similares.