segunda-feira, 22 de junho de 2015

Livro: Pense como um Freak

Este não é um livro que se propõe como uma divulgação cientifica. No entanto ele apresenta alguns questionamentos que fazem parte de uma forma de pensar que eu considero bastante importante. É a forma de pensamento cético que na minha opinião deveria ser necessária como padrão na nossa sociedade.

As opiniões e conclusões dos autores não podem ser consideradas como verdades absolutas, isso iria de encontro ao que eles mesmo estão propondo. Mas a maior contribuição dese livro é deixar claro que existem outras perguntas a serem feitas sobre um mesmo problema que podem levar a respostas diferentes.

Para isso o leitor é desafiado a pensar de uma maneira cética sobre vários assuntos que já são convencionalmente aceitos como verdades absolutas na sociedade. Os autores apresentam vários casos onde uma análise simples de dados não dão sustentação a essas "verdades". Por exemplo: Os vinhos mais caros são sempre melhores? ou A propaganda em massa na TV ajuda a vender produtos de uma determinada marca?

Outro ponto que marca esse livro é como o pensamento econômico pode ajudar a solucionar problemas. Ao mesmo tempo que ignorar esse tipo de pensamento pode levar a decisões muito erradas. Outro exemplo: Se quiser acabar com infestação de cobras em uma cidade vale a pena instituir uma recompensa para cada cobra morta?

Essas são algumas perguntas para ir pensando, mas existem muitas outras. Lendo o livro você vai entender como utilizar os fatos para encontrar as respostas corretas. E vai poder guardar esse conhecimento para poder aplicá-lo em qualquer outra área. 

Vale a recomendação. 
Autores: Steven Levitt e Stephen Dubner


Seguem alguns links se tiverem interessados:
Livraria Saraiva: Livro - eBook
Submarino: Livro 
Livraria Cultura: Livro - eBook

quarta-feira, 17 de junho de 2015

A Lua me ajudando com a Insônia

Noite de insônia.

Uma das coisas que faço para passar o tempo quando tenho insônia é ir para a varanda do meu apartamento e ficar olhando a cidade tomando uma dose de whisky.

Hoje estava num dessas noites insones e fui seguir o ritual. Era aproximadamente 1:00 da manhã. 

Após alguns minutos eu percebi a Lua nascendo no leste. Quase cheia. Imponente. Perfeita!

Como estava com o copo cheio ainda, deu tempo de lembrar que na noite anterior a Lua já estava no céu antes desse horário.

Óbvio - pensei. Ela está girando ao redor da Terra. Então ela vai realmente mudar de lugar significativamente entre um dia e outro.

Essa minha resposta mental automaticamente induziu a duas outras questões:
- Para que lado a Lua gira ao redor da Terra;
- Quanto tempo demora para a Lua dar a volta no Planeta?

Resposta fácil dando uma olhada no Google, mas será que não dava para concluir isso só com a observação?

Bom, vamos tentar...

Considerando que sabemos que a Terra gira no sentido Leste, se a Lua girasse no sentido oposto nós veríamos a Lua cada dia mais para o Oeste. E o que vemos é o contrário. Cada dia a Lua está mais para Leste no mesmo horário. É fácil de ver isso ao perceber que a Lua demora sempre um pouco mais para nascer. Sendo assim temos que concluir que ela gira ao redor da Terra no mesmo sentido.

Quanto ao tempo para dar a volta na Terra, provavelmente conhecendo o atraso diário da Lua para despontar no horizonte podemos calcular quantos dias demoraria para ela nascer no mesmo horário. Isso representaria uma volta completa, correto. Bom... hoje ela nasceu as 01:36 e ontem ela nasceu em torno de 00:35. Mais ou menos uma hora de atraso. Portanto a volta na Terra deve demorar em torno de 24 dias.

Agora que já fiz o cálculo mental vamos ao Google conferir... Achei uma excelente explicação rápida nesse link: http://professorcanto.com.br/boletins_cn/038.pdf

Resposta: A Lua realmente gira no mesmo sentido da terra e completa a volta em 27,3 dias.

Errei só em 13%, o que é excelente já que foi baseado em somente dois dias de observação e regado a whisky numa noite de insônia!