domingo, 30 de março de 2014

Romário ajudando a Ciência no Brasil

Quem diria que o Romário seria autor de um Projeto de Lei que ajudaria o desenvolvimento da Ciência no Brasil?

Dep Fed Mara Gabrilli (PSDB-SP) eRomário (PSB-RJ)
No meio político estamos acostumados a não ver nada de importante ser decidido ou feito. Só nomes de ruas e demagogias cujo único objetivo é ampliar a quantidade de votos dos próprios deputados e fazerem se manter nos cargos nas próximas eleições. 

Quando o Romário foi eleito Deputado Federal estava claro para todos que ele seria mais um daqueles casos de pouca expressão, que só foi eleito por conta da sua fama, como tantos outros exemplos que temos no Brasil. Eu lembro até que no primeiro dia de trabalho no Congresso ele não foi a Brasília, e foi filmado na praia no Rio da Janeiro jogando bola, saiu na mídia e etc...

Só que diferente da grande maioria que não se define sobre o que defendem, o Romário tem uma posição clara de defesa aos portadores de necessidades especiais. Talvez até mesmo influenciado por conta de sua filha ser portadora da Síndrome de Down. Ao transitar nesse meio ele conheceu o quanto é difícil produzir pesquisa no Brasil quando se depende de importação de equipamentos e produtos de alta tecnologia. Essa dificuldade de importação é mais um gargalo dentre tantos que não deixam o Brasil andar.

Para ajudar a resolver esse problema, ele produziu um Projeto de Lei que facilita a importação de equipamentos quando os mesmo forem destinados a pesquisas científicas. O Projeto de Lei prevê liberação automática de mercadorias sem o pagamento de taxas da Receita Federal e Anvisa. Esse Projeto foi aprovado semana passada pela Comissão de Seguridade Social e Família, e agora vai para a Comissão de Ciência e Tecnologia. 

Ou seja, esse projeto tem o real potencial de ajudar o desenvolvimento da Ciência no Brasil e veio de um primeiro mandato de um jogador de futebol. Vamos acompanhando o andamento deste projeto. Pelo jeito ainda tem um caminho para chegar no Congresso e sem dúvida vai exigir um esforço político do Romário. 

Será que o Romário está decidido a ser no Congresso o que foi nos campos de futebol? Tomara que sim. Estamos precisando de gente que resolva por lá. E se ele tiver decidido eu acho que ele consegue!!! 

Mais informações na própria página do Romário.

P.S.: Antes tivesse mais gente jogando futebol na praia no primeiro dia mas fizesse alguma coisa de útil em Brasília depois....